Viagem de moto até Piracicaba

A ideia do passeio surgiu quando nos deparamos com uma semana de trabalho mais curta. Sim, haveria um feriado nela. Maravilhoso, bom para descansar a mente. Foi então que pensamos em fazer um passeio de moto, bem na quarta-feira, 01 de maio, dia do trabalho.

Acordamos pensando no roteiro. Enquanto tomávamos o café da manhã, em casa mesmo, planejávamos os primeiros passos da viagem.

O dia estava lindo, não precisaríamos de roupas demais, menos peso, mais brisa no rosto, ótimo.

Vestimos nossas jaquetas, botas, separamos as luvas e os capacetes, os documentos estavam ok, estamos prontos.

Fomos até o estacionamento onde guardamos as "garotas", uma Harley-Davidson Road King, do meu marido Paulo, e a minha Indian Scout, porque em casa não tem essa de tribo, cada um tem a moto que deseja.

Por volta das 10h da manhã seguimos para o posto de combustível no bairro do Limão, em São Paulo (SP) e abastecemos as motos. Depois partimos. Seguimos pela marginal Tietê até o acesso à Rodovia dos Bandeirantes. O vento não estava forte e o céu estava azul, o que tornou o passeio muito agradável. Um pouco de movimento na rodovia, creio que por conta do feriado, mas nada de mais.

Avistamos um grupo de motociclistas que seguiam à nossa frente, um pouco mais rápidos. Nós estávamos menos afobados, torcendo para o dia durar 48 horas.

Seguimos tranquilamente até o Posto Graal 125 Norte. Paramos e esticamos um pouco as pernas para continuarmos a viagem. Faltavam poucos quilômetros, então nos equipamos novamente e saímos.

Viagem de moto Brasil - as garotas

O que não sabíamos, porque nunca seguimos até aquela altura da Rodovia dos Bandeirantes, é que aproximadamente 1 quilômetro adiante há um posto da Polícia Rodoviária que solicita parada especialmente de motociclistas. Logo avistamos que das 3 faixas da rodovia, a passagem estava liberada apenas em uma, onde passavam carros e motos em velocidade bem reduzida, e quando avistamos a quantidade de motos paradas no cercado de cones, logo imaginamos que seríamos parados. Não deu outra, mas ok, sem problemas. Somos bem rigorosos com documentações e estava tudo em ordem, então não haveria com o que nos preocuparmos. Paramos as motos e logo os Policiais Rodoviários solicitaram que tirássemos os capacetes, desligássemos as motos e apresentássemos nossos documentos e das motos. Tudo certo, mas perdemos algum tempo ali. Havia muitas motos e demorou um pouco para nos liberar. Um colega de estrada mencionou que sempre param motos e grupos de motos nos finais de semana.

Viagem de moto - tambaqui assado

Depois da parada não planejada, seguimos para Piracicaba.

Ainda na Rodovia dos Bandeirantes, pegamos a saída 134B sentido Piracicaba, Rodovia Luiz de Queiroz. Asfalto bom, com velocidade máxima de 110 km/h.

Começamos a avistar a cidade e logo surgiram as placas indicado o caminho para a Rua do Porto. Seguimos e nos deparamos com o primeiro ponto de parada, o Elevador Turístico Alto do Mirante. Fizemos uma bela foto do Rio de Piracicaba e depois continuamos até o Engenho Central Piracicaba, acesso pela ponte pênsil. Lindo cenário. Dentro das ruínas funciona um teatro e um café, muito interessantes, mas tínhamos outros planos. Depois da visita, nosso destino final, a Rua do Porto e seus deliciosos pratos de peixes assados na brasa, uma experiência gastronômica incrível. Experimentamos o tambaqui assado, melhor peixe que já comi na vida. O restaurante foi o Porto do Sol, ótimo peixe, preço justo.

Após o almoço, caminhamos pela Rua do Porto, que estava bem movimentada e quando o sol ficou mais ameno, voltamos para a estrada, felizes, satisfeitos e com a mente pronta para encarar o restante da semana.

Ao todo percorremos 320 km ida e volta. Nas rodovias que passamos o pedágio é isento para motocicletas, porém há guardadores de carros/motos nos bolsões para estacionar.

Comentários (1)

This comment was minimized by the moderator on the site

Muiito legal.Na próxima vez deem uma paradinha em SBO. Será um prazer.

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

  1. Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Caracteres
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.

Livros sobre viagens pela América do Sul e Himalaia