alt


PHD Alasca (América do Norte, California, USA

Santa Bárbara – San Francisco (Parcial = 601 Km / Total =16.958 Km)

 

Na vinda para Santa Barbara, nos despedimos do astral da US Route 66 – The Mother Road – que foi o berço do primeiro Motel e do primeiro McDonald’s do mundo, além de cenário de filmes como o memorável Easy Rider, representando a via de acesso aos sonhos de milhares de aventureiros em busca de uma vida melhor. E conhecendo a California, é possível entender o significado e a dimensão da fantasia que alimentavam estes sonhos.

 

alt

 

Assim, partimos às 08:00h e a temperatura exigia no mínimo o casaco de couro. O ar frio mantinha a temperatura agradável sob um céu azul.

 

100 quilômetros depois, surge uma cerração forte produzida pelo vento frio vindo do mar. Então, esmaecendo a energia do sol, a temperatura começa a baixar mais ainda e o termômetro da Electra marcava um pouco menos de 60ºF.


alt

alt

alt

alt

alt

A Highway 101 segue paralela ao litoral e as montanhas, margeada por matas e grandes fazendas dedicadas à pecuária e à agricultura.

 

Entramos em San Luiz Obispo e paramos em um posto de gasolina para perguntar sobre como acessar a CA 1, que é considerada uma das rodovias mais bonitas do planeta. Um senhor nos informou que deveríamos seguir pela avenida por onde chegamos e dobrar na Santa Rosa Boulevard, que nos deixaria dentro da CA 1.

 

alt

alt

alt

alt

Ela segue pelo litoral, atravessa grandes matas e se pendura nas encostas das montanhas, que mergulham no mar, decepadas em falésias. Em muitas encostas, rente a estrada, seguindo para o norte, a própria natureza desenhava jardins com flores coloridas de indescritível beleza, à direita o verde das montanhas e à esquerda o azul do mar.

 

Na noite anterior, não me preparei para registrar tanta beleza e a bateria da minha máquina fotográfica se esgotou. Putz! Na próxima parada iria “roubar” a máquina do Betho – não sabia se a bateria estaria com alguma carga – porque ele nunca se lembra de utilizá-la.

 

alt

alt

De cenário em cenário de sonhos, passamos por Los Osos, Morrobay, Cayucos e Cambria. Após San Simeon, a estrada corta uma região de serra de extrema beleza. E em Gorda, estacionamos as Electras no Whale Watchers Café para tomar um chocolate quente (e um pedaço de Aple Pae), porque estávamos tremendo de frio, mesmo com o sol dando o ar de sua graça momentaneamente.

 

Enquanto admirávamos o lugar, conhecemos um casal de brasileiros que curtiam o privilégio de passear por ali, em lua-de-mel.

 

Montamos nas Electras, pegamos a estrada e bem mais a frente, passamos por Julia Pfeiffer Burns State Park, onde a estrada penetra em um túnel de sequoias e floresta de ciprestes e o perfume intenso das árvores invade o capacete e penetra nas nossas narinas, que não querem parar de inspirar.

 

alt

 

Após passarmos por Posts, a beleza culmina com a famosa Big Sur, as Highlands e a Pfeiffer Big Sur State Park. Seguimos pela Cabrillo Highway (CA- 1) e mais a frente vem Carmel, Point Lobos, Peeble Beach (17 Miles Drive – Lonely Cypress) e Monterey.

 

Em San Jose – neste ponto, aconselham aos futuros viajeros a não optarem por Oakland, porque os Hells Angels estão muito atuantes por lá – fomos para Half Moon Bay, permanecendo na CA 1 (101/N).

 

Em seguida, nos deparamos com uma surpresa agradável; a simpática cidade litorânea de Pacifica, que nos pareceu um excelente lugar para descansar. Aos futuros viajantes, sugiro planejar para este trecho, no mínimo uns 3 dias – fora dos feriados e períodos de férias americanos, é claro – para curtir intensamente tanta beleza natural, muito bem cuidada e bem explorada pelos americanos, que a região tem a ofertar.

 

Comentários (0)

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

  1. Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Caracteres
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.

Livros sobre viagens pela América do Sul e Himalaia