alt

América Central, Panamá

Jaco – Santiago (Parcial = 520 Km / Total = 38.665 Km)

Acordei às 03:00 h da manhã, arrumei tudo e fiquei esperando o Sol nascer, enquanto estudava as alterações do roteiro proposto pelo amigo Johnny Boy e o Google Maps .

Às 06:00 h, com a luz surgindo no horizonte, parti para a estrada. Eu segui, exatamente, na direção do Sol, que ilumina o mundo e também em direção aos sois, que dão sentido a minha vida. Estou voltando para casa.

alt
alt
alt
alt
alt

Na Costa Rica, as reportagens televisivas estão dando muita ênfase a política de contenção das infrações de trânsito, principalmente, baseada na instalação de “pardais”, que pensam ser livres de corrupção. A velocidade máxima nas estradas é de 80 km/h e a multa mínima é de $500.00 USD. Putz! Acionei o cruiser e me mantive um pouco abaixo da velocidade. Multa, nem pensar.

Bela e vasta vegetação acompanha toda a estrada. Praias belíssimas se escondem atrás das árvores, como que na tentativa de se manterem inacessíveis aos olhos ávidos dos estrangeiros.

Em jejum, parei em um pequeno comércio à beira estrada, para beber água e acabei comendo plátanos (banana da terra frita) e não resisti a uma porção de gallo pinto (feijão com arroz, seco e com tempero especial), que faz parte do café-da-manhã típico da Costa Rica.

alt
alt
alt
alt
alt
alt

Rodei tranquilo por boas estradas e sempre que era possível, interagia com gente amistosa e boa demais. De todos os lugares por onde passei nas Américas do Sul e Central, ali seria um dos poucos lugares bons para se viver e morar.

Cheguei ao hotel Gran David, que fica na beira da estrada, e liguei imediatamente, para a representante da Air Cargo Pack em Panamá, a Sra. Eliceth Nuñez (507) 4310128, que confirmou o embarque no dia 12Set. Deverei entregar a Electra até às 14:00h, do mesmo dia, no Terminal de Cargas do aeroporto de Tocúmen, a um custo total de $905.00; pagos cash. Sugeriu que eu comprasse a minha passagem aérea pela Avianca, pois não há como ir de carona no cargueiro (transporte da moto) porque é proibido por lei.

Agora, a preocupação é conseguir que a minha passagem de avião seja para o dia do embarque da moto, a fim de não desperdiçar tempo e grana, no Panamá.

PHD Artur Albuquerque

Comentários (1)

This comment was minimized by the moderator on the site

OLA AMIGO ARTUR ACOMPANHO TODA SUA HISTORIA, DOU UMA DICA DE NASCA VC PODE PEGAR A ESQUERDA PARA PUQUIO E CUSCU E SAIR NO ACRE É TUDO ASFALTO E DOS BONS SÓ QUE TEM MUITAS MONTANHAS APESAR DOS PROBLEMAS DE MEC.DA SUA MOTO AS PAISAGENS VALEM MUITO O ESFORCO A RODOVIA É TODA PEDAGIADA MAS A PRECO DE BANANA UMA MIXARIA NEM SEI SE MOTO PAGA, SOU DE SC E FUI ATÉ LIMA EM JULHO DE MOTORHOME E VOLTEI POR ALI, SÓ TEM UMA BALSA EM PURTO MALDONADO MAS É BEM TRANQUILO, SAI EM ASSIS BRASIL 290KM ANTES DE RIO BRANCO AC. SOU MOTOCICLISTA TBEM E JA RODEI DO PERU P/ BAIXO TODAS AS ESTRADAS DA AMERICA DO SUL E ESTAREI INDO P/ ALASCA EM 2.014. BOA VIAJEM QUE DEUS TE ACOMPANHE SEMPRE E PARABENS PELO GRANDE FEITO ABRACO ANTONIO

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

  1. Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Caracteres
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.

Livros sobre viagens pela América do Sul e Himalaia