Viagem de moto pelo Brasil

É, mas foi somente o sol sair, que o calor voltou. Depois de deixar Colinas para trás, tive novamente problema com o suporte do baú. Depois de quase 2 mil km, quebrou todo de novo.

Tive que sacar dinheiro na cidade de Presidente Dutra, comprar um novo suporte e mandar reforçar. Gastei mais 110 reais entre o suporte e o reforço. Ficou fino desta vez, acho que acertei, mas...

Depois de quase três dias atravessando o Maranhão cheguei a Barreirinhas. Foi sofrido, mas recompensador. A cidade fica a 300 km dos Lençóis Maranhenses, tanto que no dia seguinte, por volta das 15 horas eu já estava nos Lençóis.

Mas antes de chegar, parei em uma beira de rio e qual foi a minha surpresa? Fiz amizade com os nativos, que me apresentaram à tiquira e ainda me ajudaram a fazer fogueira para o cuscuz.

O legal desta situação foi a seguinte: todos que vão para Lençóis, como vão através de agências, perdem a oportunidade de conversar com os nativos. Eu fiquei encantado como o povo, que os turistas não veem, é solícito. Primeiro me deram a lenha e depois apostaram se eu iria conseguir fazer ou não o cuscuz.

Além de me ajudarem, ainda me ofereceram pouso. À noite iriam pescar e se eu quisesse estava convidado. Mas agradeci e segui para Barreirinhas.

Sobre a cidade Barreirinhas, primeiro se prepara, porque pedirão a você dinheiro. Infelizmente, para quem defende o uso de drogas, vai lá dar dinheiro aos pedintes. Segunda coisa, você será abordado logo na entrada da cidade. Cuidado para não pagar caro. Terceiro, veja bem os passeios.

Eu fiz a opção por Atins. É um passeio de um dia relativamente novo e vale a pena. Os preços ficam em torno de 50 a 100 reais, depende do passeio e da agência. Desta vez eu paguei pelo seguinte motivo: não queria areia na moto e tinha que fazer uma revisão geral nela pelo custo de 110 reais, com peças inclusas.

Após tudo combinado, agência e a oficina para verificar a moto, eu fui dormir. Minha noite foi entre os caminhões no posto de gasolina e tive que pagar dois reais para o banho.

Comentários (0)

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

  1. Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Caracteres
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.

Livros sobre viagens pela América do Sul e Himalaia