Após um café reforçado fomos para o Poço Azul, aonde os primeiros que chegam podem ficar muito tempo. Quando mais pessoas chegam é permitido permanecer no local apenas 20 minutos. Ela ficou encantada e agradecida, ficou maravilhada com o Rio Pratinha e com o Poço Azul.

Logo cedo daquele sábado deu um barulho na roda da moto. Pensei que fosse rolamento. Fui até uma loja de motos e, para minha surpresa, o cubo quebrou. Rodamos a noite anterior toda com aquele problema e nada aconteceu. Gastei 250 reais com o cubo, rolamento, pastilha de freio e mão de obra.

Pagina 4 de 4
Ver mais artigos

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.

Livros sobre viagens pela América do Sul e Himalaia

Mais viagens pelo Brasil

Expedição Caminho Velho da Estrada Real

Com o objetivo de percorrer o Caminho Velho da Estrada Real, e obter o máximo de Carimbos (dos 20...

De Caarapó a Chuí

Também apelidada de Expedição Vento Gelado por este que vos escreve, um velho motociclista sul...

Um passeio até Barra do Guaicuí

Viagem de R$100 Iniciar um novo ano com otimismo e boas energias é muito bom, fazendo o que mais...