27 de julho, desde 1982

Amigos,

Todos os anos, nesta época, em meados de julho, gosto de escrever algumas palavras sobre motociclismo.

Muito já se falou sobre rotas, equipamentos, segurança, bagagem. Este ano vou abordar relaxamento, preocupação, meditação.

Em minhas longas viagens solitárias sempre escolho não me preocupar. Quando nos preocupamos, tornamos os problemas maiores do que eles realmente são, e em vez de preocupação, eu aprendi a discernir e aceitar até onde vai meu controle sobre as coisas que acontecem ou podem acontecer pelo caminho.

Consegui com o tempo atuar com sabedoria em todas as situações, escolho a felicidade ao invés da preocupação. Quando escolho permanecer feliz diante das adversidades que encontro pelas estradas eu trago a energia correta para encontrar soluções.

A despreocupação ao pilotar cria uma sensação de estabilidade que desloca os pensamentos que normalmente fluem através de nossa consciência; as preocupações com as tensões comuns da vida cotidiana, sobre nosso trabalho, família, alimentação, e ao focar na pilotagem os problemas desaparecem de nossa mente.

Após uma viagem ou um prazeroso passeio de motocicleta a mente se torna renovada, leve, como seria depois de uma sessão de meditação ou umas férias relaxantes.

Durante anos ouvi dizer que motociclismo vicia. Esse "vicio" que adquirimos ao pilotar nossas motos é oriundo do alívio mental que adquirimos durante o percurso, quando liberamos endorfinas, até pela atenção necessária a uma correta e segura pilotagem.

Pilotar uma motocicleta requer altos níveis de concentração, precisamos estar alertas e focado o tempo todo, nunca esquecendo as paradas para relaxar em intervalos freqüentes em uma longa viagem, além da hidratação. Caso contrário o estresse inconsciente nos fará perder a concentração causando um problema com a segurança.

Sobretudo, não deixe de pilotar feliz, com o coração em festa, agradecido a Deus por ter lhe dado a chance de percorrer esse caminho em segurança, de estar fazendo naquele momento o que mais desejava fazer...

Feliz Dia do Motociclista a todos !!!

Otavio Araujo – Gugu
71 anos, motociclista a mais de 50, administrador, empresário em Taubaté/SP, roda de Honda Varadero XLV 1.000cc
e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.