105° dia - 09/08/13 - 6a. feira - próximo à Puntarenas (Costa Rica)/ David (Panamá)

Mapa dia 105Dia bonito, temperatura agradável, um sol matutino, condições ideais para uma viagem perfeita. As estradas da Costa Rica são boas e, apesar de faltar sinalização de piso, não encontros um único buraco.

Entramos em Jaco, onde já tínhamos comido um ceviche excelente. O dono, Albert, reconheceu os brasileiros e ficou feliz em nos rever (foto). Está tendo aulas de português e ouve radio com musicas gospel brasileiras.

 

Jaco

Saboreando um ceviche misto (camarão, peixe e polvo) batemos papo com um casal americano de Monterey.

JacoJaco

Uns 30 km antes da fronteira com o Panamá, bateu um chuvão daqueles! Passamos pela aduana da Costa Rica sempre com a maior burocracia e seguimos para a do Panamá. Eis que para nossa "alegria" estava sem luz por conta das chuvas fortes. Tudo parado, horas de espera sem conforto nenhum e muita paciência.

O oficial chamava um por um para, por telefone, checar com a central cada passaporte (soubemos que o apagão era no país inteiro). Depois, faltava fazer o seguro obrigatório e, como não tinha luz no Panamá pegamos uma vendedora de seguros com boa vontade e entramos na internet numa lanhouse da Costa Rica (lá é tudo misturado...). Aproveitamos e também tiramos cópias. Corremos para a senhora que fazia os processos de liberação porque já eram quase 7 horas da noite e, sob luz dos celulares, completou os documentos. Ok... Ok? Não... Preencheu errado. Com a confusão e falta de condições, trocou as identificações das motos. Voltamos e corrigiu tudo. OK... Ok? Não... Ainda tinha o inspetor que fazia a liberação dos veículos no local. Fez tudo sob luz de lanterna e OK! Ok? Não... Ainda tinha a fumigação e OK! Ok? Não... Ainda paramos 500m depois para checar e checado. Ok? SIM! YES! LIBERADOS!

Durante a viagem, alguém me perguntou se eu fazia essa aventura uma vez por ano. Não, respondi. É uma vez na vida...

Conseguimos chegar a David e ainda ficamos procurando hotel, porque todos estavam sendo recém ocupados naquela hora e estavam lotados. Acabamos ficando num hotel de beira de estrada (Residencial Panamericano) bem limpinho e confortável.

Comentários (2)

This comment was minimized by the moderator on the site

Primo,boa tarde. Quando aproximadamente você chega em BH? O que esta previsto para sua chegada? .Algum comboio? Abraços Weyden

This comment was minimized by the moderator on the site

Calma primo... Ainda faltam alguns milhares de km... Devemos entrar no Brasil via Chile e Argentina.. Quanto ao comboio nem que seja de 2 fuscas já é um presente pra mim! Abs!

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

  1. Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Caracteres
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.

Livros sobre viagens pela América do Sul e Himalaia