Viagem de moto até o Alaska

Santos Dumont/ BH!!!!!!!!!! 220 km.

Na saída, a Da. Eulália, proprietária do hotel e super temerosa com motos, quase me fez jurar que não andaria mais de moto. Brinquei com ela que prometia qualquer coisa menos isso...

A estrada, pra variar, ainda molhada de chuva da noite anterior. Tive noticias também que BH havia chovido muito! Mas na minha saída, o sol estava brilhando e o céu de um azul convidativo para uma boa viagem.

Coloquei o restante da gasolina do Equador do galão reserva. Ainda mantinha essa gasolina e só precisei de parte dela na Patagônia pouco depois da aduana Chile / Argentina, quando tinha que tocar mais forte para não pegar noite na estrada e com isso o consumo iria ser maior. Se não fosse essa circunstancia, não teria precisado de nada de gasolina reserva durante toda a viagem ao Ushuaia. Basta uma tocada prudente e madura para poupar combustível e equipamento.

Como sou um sujeito de sorte (até eu já tô cansado de ouvir isso...), não peguei um pingo d'água até o Cupim, onde ficou combinado que um grupo (de doidos) iria me encontrar. Disseram que era para festejar, mas eu já descobri: era pra terem certeza que eu não iria passar direto por BH e continuar a viagem...

Foram a Marilene-Marilinda com sua Spyder branca linda, o Road Captain Paulo Gois, Julio Cesar, Julio Zaldana e Daura, Cap. Cruz (Pitz), Marcelo da Renatinha (sem Renatinha... mas parabéns pela gravidez!!!) e mais meus 4,5 amigos da tribo de jeepeiros, Ivo, Cinthya e Carolzinha (essa é a meia...), Fabio e Mara.

Fomos na formação tradicional, o Paulo puxando e eu logo depois. Chegamos no Alphaville e tinha mais um monte de halystas doidos me aguardando, mais a Circe, meu sogro "Torolivo", Janete, meu primo Weyden e Ana Paula.

Nova formação até o bar Rutger na Pampulha, onde tinha mais outro tanto de doidos me esperando. No caminho, pra variar, só muitas nuvens ameaçadoras, mas sem chuva, ainda passa de carro por mim meu vizinho Luiz Fernando acenando e me dando as boas vindas. Mais alegria nos acenos!

No Rutger, foi uma emoção só e acho que a ficha só vai cair muito mais tarde...

Foram tantos abraços que perdi a conta, mas sentia em todos uma emoção sincera e também uma sementinha plantada em muitos. No dia da partida, durante a viagem e na chegada percebi e comecei a identificar um "certo" brilho no olhar em algumas pessoas... É o brilho de quem já se contaminou. É o brilho de quem já decidiu "um dia vou fazer a mesma viagem". Ao amigo Jenner, parabéns por este brilho.

O nosso querido "grande garooooto" Sergio "Serginho Brasanitas", chegou meio atrasado (pra variar...) mas chegou todo cheirosinho e perfumadinho (ô banho demorado, sô!!!). Fez aquele cumprimento de joelhos com os braços estendidos pra frente como quem reverencia um ídolo (brincadeira, é claro) e pude me ajoelhar também e abraçá-lo da mesma maneira.

Na chamada para umas palavras no palco, a Jackie convocou o pai, nosso querido "pai" Cap. Senra, Da. Geralda nossa "mãe", o Ruy, meu parceiro do Alaska e eu.

Após algumas palavras de todos, sempre carregadas de muita emoção, pude dedicar oficialmente (já tinha combinado secretamente com a Jackie) como mais novo Águia de Aço e primeiro a fazer BH-Alaska_Ushuaia_BH sem interrupções essa minha aventura ao Cap. Senra, que confessou não acreditar que eu iria conseguir, "sabe como é:... nascido e criado em Ipanema, surfista e skatista não vai dar conta..." disse ele. Risos gerais!!!

Lá mesmo, entreguei a moto para o Brunno Senra, responsável pela parte mecânica (e assistência técnica à distância, o que foi muito importante) imprescindível para o sucesso da viagem.

E assim termina essa aventura com exatos 57.400km, 5 meses e 7 dias de "pura viagem" quando pude ter muitos amigos, como diz o Silvan, compartilhando com Ele a minha garupa...

Quero agradecer a todos, mas minha gratidão é tanta que vai num capítulo à parte mais tarde...

Comentários (17)

This comment was minimized by the moderator on the site

fernando boa tarde,fernando acompanhei sua viagem foi fascinante,fernando em março vou ao ushuaia gostaria de uma informaçao sua,se vc tem o nome ou site de onde posso comprar luvas que possa usar em temperaturas baixas e se vc pode indicar alguma,valeu abraços tudo de bom.

This comment was minimized by the moderator on the site

Olá Dirlei, se vc vai em marco não pegará o frio que eu peguei por ser inverno. Comprei luvas de ski na neve e mesmo assim minhas mãos congelavam. Comprei umas proteções tipo capa que cobria toda a mão (tem uma Givi q achei excelente) mas tinha que colocar as mãos no motor. O melhor ainda é punho/ manopla aquecida. Abs!

This comment was minimized by the moderator on the site

Olá Fernando, estou desde sábado, dia 26/10, lendo a aventura de vocês, e fiquei muito, muito, muito maravilhado com os relatos da viagem. Tenho 60 anos e gosto muito de viajar de moto, e esta viagem me encorajou a fazer uma ao sul de nosso país, coisa que eu estava estudando. é uma viagem, pra vocês, muito simples, mas pra mim é um bom começo. Parabéns pelo feito, e em muitas partes de seus relatos fiquei emocionado. Ah, sou do Rio de Janeiro e tenho uma Kasinski 250, não é uma HD, mas chega em qualquer lugar, como você diz, é só saber conduzir. Um grande abraço pra você e pro Ruy, seu parceiro de viagem.

This comment was minimized by the moderator on the site

..."comecei a identificar um "certo" brilho no olhar em algumas pessoas... É o brilho de quem já se contaminou. É o brilho de quem já decidiu "um dia vou fazer a mesma viagem"". Ao amigo Adilson, parabéns por este brilho e pelo brilho de suas palavras. Para fazer uma viagem não precisa de moto especial, precisa de piloto especial e espirito de motociclista. Só posso dizer uma coisa: VÁ EM FRENTE!!! Essa é a nossa vida e temos que vivê-la! Abs!

This comment was minimized by the moderator on the site

Prezados Fernando e Rui, parabéns pela viagem. Não se esqueça de publicar o livro, pois acredito que já esteja pronto. (faltando apenas coisinhas pitorescas que não foram relatadas aqui no viagemdemoto.com) Abraços, Edmilson

This comment was minimized by the moderator on the site

Parabéns... Parabéns... Parabéns.... Não tem palavras para descrever esta viagem "ESTE FEITO". Só quem sabe o prazer de pilotar uma moto sabe como descrever este feito. Vontade de todos que pilota uma MOTO ou já pilotou, não tem palavras, só quem anda sabe falar. Um grande abraço... Sucesso pela vida toda. Fábio e Mara.

This comment was minimized by the moderator on the site

Parabéns Fernando, o seu feito em companhia do Ruy merece ser reconhecido, fruto de persistência, fibra e uma boa dose de audácia. Orgulha a cada de nós harleyros que somos apaixonados por essas máquinas maravilhosas, só quem pilota uma motocicleta Harley-Davidson é capaz de compreender a importância do seu feito. Que Deus te ajude e ilumine o seu caminho a cada dia, e sinta-se encorajado a realizar outras proezas. Eu e mais cinco amigos estamos com uma viagem programada para janeiro de 2014, sairemos de Gurupi-TO até Puerto Varas-CHILE, saiba que vocês foram a nossa inspiração. Um grande abraço. JEDIEL Fernandes

This comment was minimized by the moderator on the site

Primo,eu sempre acreditei.Faço das palavras do PHD YAMADA as minhas: Sua "SORTE" é fruto da sua perseverança e coragem. Gostaria de ter o privilégio de fazer um almoço em sua homenagem e sugar o máximo possível esta incrível história. Podemos marcar? Weyden e Ana Paula.

This comment was minimized by the moderator on the site

Se quiser conhecer um pouquinho das minhas pequenas aventuras (diante da sua) é só acessar os seguintes link's: gerareisgmr8.blogspot.com.br -> Expedição Machu Picchu - Cone Sul 2013, gerareisgmr88.blogspot.com.br --> Projeto Alaska 2015 - Última Fronteira - A terra do sol da meia noite!. Também fiz uma primeira viagem intitula"Equilíbrio em duas rodas"... Grande abraço para um pequeno grande homem!... Geraldinho Membro e ex-presidente do Moto Grupo Naja Patos de Minas e membro ativo participante do FALCONONLINE

This comment was minimized by the moderator on the site

Deus da mesma forma que iluminou seus caminhos lhe proporcionando uma estrada limpa, livre e "seca", continue iluminando seus caminhos para que você possa brilhar e transmitir esse brilho aos nosso irmãos motociclistas!... Um abraço. Geraldinho

This comment was minimized by the moderator on the site

... e o brilho de quem já contaminou, contaminou mais um "garupa" que o seguiu (e seguiu também ao Ruy). Vou com a Graça e Proteção de Deus empreender essa aventura e tornar-me um Grande Cacique Fazedor de Chuva. Parabéns pela aventura!. Um abraço. Geraldinho

This comment was minimized by the moderator on the site

Parabéns, estou para um grupo de motociclistas aqui na minha cidade, que estamos em formação e podes acreditar, vocês me inspiraram muito para decidir fazer isso, sinto como se tivesse feito toda viagem junto com vocês, lendo a viagem de vocês que me fez decidir por essa vida de estradeiro. Abraço Daniel Junior Canguçu/RS http://motogrupoacanguacu.blogspot.com.br/

This comment was minimized by the moderator on the site

Parabéns Fernando e Ruy. Acompanhei toda a fantástica aventura, desde o primeiro relato, compartilhando as emoções, as conquistas e a aprendizagem. Obrigado por nos proporcionar essa aventura, por nos permitir viajar e aprender com vocês. Fernando, fiquei feliz em saber que em sua passagem por minha terra, Florianópolis, fostes recebidos por uma família maravilhosa, meus amigos Tadeu, Maria Tereza e Kléber. Parabéns, saúde, sucesso e novas aventuras.

This comment was minimized by the moderator on the site

Fernando, isto tudo é desculpa para rodar mais um pouquinho?!!!! Um abração, Ivo, Cynthia e Carolzinha.

This comment was minimized by the moderator on the site

47.400Kms? Só isso? Tem certeza?

This comment was minimized by the moderator on the site

VALEU AMIGO YAMADA!! Errei! São 57.400km! Rômulo, socorro! Conserta essa minha bobagem aí, prise!... Abs!

This comment was minimized by the moderator on the site

Engoliu uns quilômetros... :zzz :zzz :zzz Está corrigido

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

  1. Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Caracteres
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.

Livros sobre viagens pela América do Sul e Himalaia