O plano é fazer uma viagem de moto de cerca de 8.500 km pelas estradas do Brasil, Argentina e Chile. Essa viagem durará 24 dias e terá como principal destino o Deserto do Atacama no Chile.

Nosso primeiro dia foi bastante corrido. Saímos as 6h30min da manhã. Mas tivemos muitos contratempos. Primeiro com o documento do Luciano. Nossa sorte é que não tinhamos andado muito na estrada ainda.

Hoje acordamos cedo. Às 7 horas da manhã já estávamos de pé. As nossas baterias estavam recarregadas. Estávamos precisando de uma boa noite de sono. Fomos então surpreendidos com um belo banquete de café da manhã

Saímos de Santa Fé no dia 02 de abril, atrasados pra variar. Nosso trajeto era relativamente curto, apenas 350 km, os quais prevíamos fazer em menos de quatro horas dadas as condições da estrada que são excelentes.

Chegamos a Santiago cansados depois de atravessar a Cordilheira dos Andes com nossas motos. Logo de cara percebemos que os motoristas em Santiago não respeitam em nada os motociclistas.

Nesse dia de nossa viagem de moto em direção ao Deserto do Atacama, saímos de Santiago e fomos direto para Valparaíso. O caminho era curto, cerca de 120km. Chegamos por volta das 11 horas da manhã e demos de cara com uma linda vista do Oceano Pacífico.

Pagina 1 de 2
Ver mais artigos

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.

Livros sobre viagens pela América do Sul e Himalaia

Mais viagens pelo Chile

Viagem inesquecível pela Cordilheira dos Andes

No dia 04, estávamos com tudo pronto para a viagem, Eu (Sabadini) e Isabel (Filhos do Asfalto MC)...

Atacama, uma nova viagem

No mês de setembro passado, três motociclistas de Guaratinguetá / SP - Flávio, Jacob e Regato -...

Comemorando os 70 anos com uma viagem ao Atacama

Para comemorar seus 70 anos de vida, o motociclista cearense Flávio Torres fez uma viagem de moto...