Viagem de moto Andorra

As travessias encontradas na fronteira internacional França-Andorra são a fronteira de El Pas De La Casa-Porte-Puymorens. Também conhecido como "O Passo da Casa", a passagem da fronteira fica perto da Paróquia de Encamp, em Andorra e fica na fronteira França-Andorra.

A passagem da fronteira está situada perto de uma estância de esqui com o mesmo nome, tornando a travessia popular entre os turistas. A fronteira entre Andorra e a França fica a uma altitude de aproximadamente 6000m acima do nível do mar. Nesse trecho tivemos certa dificuldade. Passava das 19h, já estávamos na altitude, muito frio e o GPS de Imbiriba (nosso piloto guia) parou de funcionar e começava a nevar. Ele entrou em um trecho e era uma ruazinha sem saída. Todos cansados, motos pesadas com bagagem e garupas e rolou um pequeno stress. Observei que do outro lado da montanha estava mais claro. Ainda faltavam 29 km para chegar a Andorra e incentivei a continuar antes que caísse a noite, pois o frio já era bem intenso. Optamos por uma das saídas e o GPS voltou a funcionar. Rodamos por alguns quilômetros sem visão praticamente nenhuma, onde a orientação era pela lanterna traseira da moto da frente, mas logo estávamos do outro lado da montanha, iniciando o processo de descida. Chegamos ao hotel após às 20h, pois num trecho do caminho, algumas motos ficaram retidas no trânsito e Imbiriba teve que retornar para localiza-los.

O Principado de Andorra é um pequeno país (com cerca de 468 km2) localizado nos Pireneus e a sua capital é Andorra-a-Velha. Conta com uma população total inferior a 70.000 habitantes e é considerado como um dos centros turísticos mais importantes da Europa. País de vales estreitos e paisagens montanhosas, a língua oficial é o catalão. Os andorranos são minoria em seu próprio país, pois compõem apenas 43% do total da população, sendo o restante de espanhóis, franceses e portugueses. A moeda local é o Euro, e a economia do principado gira em torno do turismo, seja recreativo ou de compras, devido às isenções de impostos em seu território.

Ficamos impressionados com a quantidade de portugueses existentes no comércio de Andorra, que por falta de oportunidades em sua terra, vem aqui buscar trabalho.

O local é uma Miami para compras. Artigos eletrônicos, charutos, bebidas, tudo com preços excelentes. Fiz estoque de charutos com bons preços e alguns whiskys, menos do que pretendia.

Rodamos por seu centro e, após o almoço, resolvemos entrar numa loja de bebidas, a Cava Benito. É uma das melhores lojas especializadas em whisky e destilados de toda a Europa. Ali, encontramos um cliente tomando seu chope e resolvemos experimentar. Enquanto isso, fomos atendidos pelo português Fernando, que me mostrou a variedade de whisky com centenas de edições especiais com garrafas numeradas. Após a explanação de diversas marcas. Optei por comprar um Scallywag, pure malte de 10 anos e edição limitada lançado em comemoração aos 70 anos da empresa.

A partir daquele momento, começaram os mimos para nos agradar. Recebi de presente uma geleia de laranja preparada com malte envelhecido 8 anos para acompanhar carnes. Foi colocado em nossa mesa um Jerez especial com 3000 garrafas lançadas, para acompanhar nossos chopes. Logo depois ele me serviu uma dose de scotch especial e trouxe um Puro Malte envelhecido 25 anos para saborear. Mais adiante, nos presentou com 5 camisas polo com a logomarca da Loja. Saímos de lá praticamente embriagados, foi simplesmente fantástico, virei cliente e divulgador, “Quando em Andorra, visitem a Cava Benito”.

Comentários (0)

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

  1. Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Caracteres
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização