Viagem de moto pela Europa

Quanto custa fazer uma viagem de moto pela Europa? Muita gente coloca como primeira dificuldade para realizar uma viagem destas a falta de recursos financeiros. A viagem que realizei mostra que isto não é necessáriamente um problema. Basta saber escolher onde pernoitar e se alimentar. E pernoitar e se alimentar com baixo custo não significa necessariamente baixa qualidade. Basta ver no diário da viagem.

Esta postagem mostra, além das estatísticas, quanto gastei durante a viagem. Vai surpreender muita gente...

Foram 21 dias de moto e mais sete entre deslocamentos e visitas a Paris e Grenoble. O primeiro bloco apresenta as estatísticas da viagem com a moto e no final as demais despesas realizadas sem moto.

Contribuiu para reduzir as despesas o fato de ter ficado hospedado na casa de amigos do Vanildo em Paris e Arrout, e também no próprio apartamento dele em Grenoble. As fotos abaixo são de Grenoble e da vista do nascer do sol sobre o Atlântico peça janela do avião, no retorno para casa.

Números da viagem:

  • 5.367 km percorridos
  • 21 dias
  • 256 km / dia (média)
  • 247,51 litros de gasolina
  • 19,22 km / litro
  • 19 hotéis
  • 64 cidades
  • 7 países
  • Valor médio do litro de gasolina = 1,35 Euros - R$ 3,18

Valores gastos:

  • Hospedagem = 492,34 Euros - R$ 1.171,78
  • Gasolina = 329,73 Euros - R$ 1.058,73
  • Jantar = 245,08 Euros - R$ 583,29
  • Almoço = 211,75 Euros - R$ 503,97
  • Café da manhã = 98,56 Euros - R$ 234,57
  • Pedágio = 96,90 Euros - R$ 230,62
  • Lanche = 89,72 Euros - R$ 213,53
  • Outros = 60,84 Euros - R$ 144,80

Total = 1.624,92 Euros - R$ 3.837,62

Outras despesas sem moto:

  • Taxa de embarque = R$ 356,04
  • Seguro Tratado Schengen = US$ 175,00 - R$ 332,50
  • TGV (trem bala) Paris - Grenoble - Paris = 54,90 Euros - R$ 130,70
  • Hospedagem em Grenoble, sem moto = 72,40 Euros - R$ 172,36
  • Alimentação = 53,74 Euros - R$ 127,89

Total = R$ 1.119,49

Nota 1: Não estão computadas as despesas com a moto, que já está à venda; outras despesas não relacionadas à viagem, como lembranças e presentes; e, o IOF sobre as despesas.

Nota 2: informadas apenas as despesas com taxa de embarque, pois as passagens aéreas foram adquiridas através de pontos acumulados na TAM e transferência de pontos do cartão de crédito.