Viagem de moto até o Uruguai

Na nossa primeira programação, não havíamos comentado a possibilidade de passarmos por Colônia del Sacramento. No entanto, após conversas com alguns amigos, que já estiveram nesta cidade, ficamos convencidos que deveríamos pelo menos passar algumas horas para conhecê-la. É um belo passeio pela história do Uruguai. Colônia del Sacramento é uma cidade de 334 anos, colonizada por portugueses e que conserva grande parte de sua história em sua arquitetura, museus e diversos outros espaços.

Como não fomos muitos "felizes" com a nossa estadia em Montevidéu, pensamos bastante em porque não havíamos programado trocar os dois dias nessa cidade por ficarmos em Colônia... Paciência, afinal não temos "bola de cristal" para sabermos como seria a nossa estadia na capital uruguaia. Afinal, nem tudo é exatamente como programamos e que gostaríamos que fosse !

Saímos então de Montevidéu para passarmos algumas horas em Colônia del Sacramento. Fomos por uma bela estrada duplicada, com muita fiscalização, inclusive radares portáteis até o nosso destino, capital do Departamento de Colônia. Uma cidade de pouco mais de 25.000 habitantes, de arquitetura do século XVII e que encanta a todos que ali passam.

Para conhecer melhor a pequena cidade, alugamos um "carrinho" elétrico para transportar 6 pessoas. Por ter uma impressionante capacidade de pilotar carrinhos de autorama (elétricos), elegemos o Luciano como nosso motorista !

Logo na nossa chegada a Colônia, encontramos com o Juca e Du, desfilando em seu glamouroso esportivo de 2 portas, pessoas singulares do nosso HOG. Conversamos um pouco e nos informaram sobre o paradeiro da outra turma que estava fazendo a nossa viagem ao contrário. Saíram pelo oeste do Brasil, descendo ao sul e mantendo o oeste para depois subirem pelo leste do Uruguai.

Saímos então no "poderoso" carrinho elétrico e andamos por 2 horas (tempo do aluguel). Neste tempo, conseguimos passear por quase todos os pontos turísticos de Colônia de forma bem rápida. Afinal, este era o tempo que dispúnhamos para ficar nesta cidade. Ao final, nos dirigimos ao restaurante, onde estava a turma do Kassim. Conversamos um pouco e tiramos algumas fotos, para em seguida continuarmos a nossa empreitada do dia ... chegarmos a Paysandú, uma das mais importantes cidades do Uruguai, capital do Departamento de Paysandú.

Novamente, por falta de informações antecipadas e por não termos "bola de cristal", percebemos que poderíamos ter aproveitado melhor a cidade de Paysandú. Esse local, uma cidade de pouco mais de 76.000 habitantes, é extremamente agradável. Com diversos pontos turísticos, muito organizada e limpa, nos convida a uma estadia. A cidade faz divisa com a cidade de Cólon na Argentina, onde existem diversas lojas de Free Shop.

Para chegar até essa cidade, rodamos por diversas estradas secundárias e de pista única. No entanto, embora simples, essas são como todas as demais estradas que passamos pelo Uruguai, ou seja pisos bons e seguras.

Como não tínhamos muitas esperanças do que nos aguardava, resolvemos curtir um pouco mais de Colônia e acabamos saindo tarde, por volta das 15h30min, para rodarmos quase 400 km ! Chegamos a Paysandú às 20 horas, ainda com o sol alto.

Quando chegamos, imediatamente vimos que deveríamos ter chegado mais cedo, para aproveitarmos melhor e, como não era possível, resolvemos então ficar um pouco mais e saímos para Uruguaiana por volta das 14 horas. Nosso destino do dia.

abraços,

Comentários (0)

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

  1. Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Caracteres
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.

Livros sobre viagens pela América do Sul e Himalaia