Viagem de moto pelo Brasil

Saí de casa só às 11:00 horas e cheguei a Ribeirão Preto às 18:30 horas. Bom, considerando a quantidade de paradas, principalmente para pedágio, que com moto são muito demoradas. As luvas atrapalham bastante manusear o dinheiro.

A estrada já conhecia quase toda das duas viagens que fiz com o Álvaro para Franca e para Capitólio. Como disse acima, tem pedágio, mas a estrada (MG-050) não faz juz ao valor pago. R$ 1,70 para moto é muito caro, principalmente porque são seis pedágios neste valor, totalizando R$ 10,20. A estrada não tem buracos, mas foram feitos remendos que fazem a moto pular bastante, tornando desconfortável pilotar. Em São Paulo, inicialmente a estrada está até pior, com alguns buracos, mas não passei dentro de nenhum. Sorte, pois peguei este trecho com chuva. Depois passei para uma estrada excelente, pedagiada, mas onde motocicletas não pagam. Destaque no caminho para a beleza do Lago de Furnas, que já conhecia de viagens anteriores.

O tempo estava bom até a divisa entre MG e SP, quando começou a chover. Inicialmente chuva fraca, mas que ficou forte, principalmente depois de Batatais. Na verdade a chuva foi um alívio, pois o calor estava infernal, pelo menos até Itaú de Minas. A chuva refrescou um pouco.

Estou num hotel muito bom, com quarto confortável (ar, tv a cabo, frigobar, internet). O preço é razoável, considerando que inclui também estacionamento pra moto e café da manhã.

Comentários (10)

This comment was minimized by the moderator on the site

sorte com as estradas e boa viagem. Economizar na hospedagem e pegar uma cama ruim pode trazer atraso na viagem pelo cansaço de uma noite mal dormida. Boa viagem, regressso seguro. Abraço, wolfmann

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

  1. Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Caracteres
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.

Livros sobre viagens pela América do Sul e Himalaia