viagem de moto até o Deserto do Atacama

Saímos de Mendoza bem cedo, pegamos uma reta de 200 km e chegamos a São Luis. Outra reta de 100 km e chegamos a Mercedes. Pegamos outra reta de 100 km e chegamos a Rio Cuarto. Pegamos o restante em uma estradinha complicada até Villa Maria. Ainda bem que era domingo, porque a estrada não ajudava.

O hotel, sem classificação. Pra se ter uma ideia, o chuveiro ficava dentro do quarto. Um dia de rico e um dia de pobre. Um dos ensinamentos de viajar de moto é viver em essência os extremos. Em compensação, para jantar, mais vinhos.

Comentários (0)

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

  1. Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Caracteres
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.

Livros sobre viagens pela América do Sul e Himalaia