Antes de iniciar minha viagem de moto até Ushuaia um dos lugares aonde adquiri boas informações foram nos fóruns como o daqui do site Viagem de Moto. Consegui muita ajuda e hoje venho retribuir a outros que buscam pelo mesmo destino ou apenas querem informações e uma fonte de referência.

O motociclismo é composto por várias tribos, por assim dizer. Há aqueles que adoram altas velocidades; os que perfazem grandes distâncias; os profissionais urbanos, que transitam entre os carros driblando os congestionamentos; há também os esportistas “on e off road” e por aí vai. O que há em comum entre as tribos é que todas são amantes dessa máquina maravilhosa chamada motocicleta, procuram se ajudar e se respeitam mutuamente.

Nossa tão sonhada viagem pela Patagônia está chegando ao fim. Estamos voltando pra casa. Já percorremos 8 mil quilômetros desde que partimos rumo ao Ushuaia, temos ainda 5 mil pela frente, até a garagem de casa.

Sai de casa em Paulista, cidade da Região Metropolitana de Recife (PE), com a minha magrela, uma Fazer 250cc, no dia primeiro de março. Era o primeiro dia das minhas férias que durariam 30 dias e eu pretendia viajar até a Argentina. O primeiro trajeto foi entre Paulista (PE) e Aracajú (SE). Foi uma viagem tranquila até pegar chuva na divisa entre Alagoas e Sergipe.

Com um pouco de insegurança, mas muita disposição, eu (João) e a Manu subimos na moto e as estradas rumo à capital da Argentina, Buenos Aires. Com um pouco de planejamento e duas semanas de tempo livre, a intenção era passar o Natal em Montevidéu e o fim de ano em Buenos Aires.

A motocicleta sempre despertou paixões e provocou desafios ao longo da sua história. Ela foi inventada, simultaneamente, por um americano e um francês, que mesmo sem se conhecerem desenvolveram pesquisas em seus respectivos países. Sylvester Roper (EUA) e Louis Perreaux (França) fabricaram um tipo de bicicleta movida a vapor em 1869.

Após anos idealizando, eu e meu colega de trabalho e companheiro de estrada, Daniel, finalmente realizamos nossa viagem de moto até a cidade de Ushuaia na Argentina, extremo sul da América do Sul. Viagem que para muitos é o doutorado no mundo motociclístico.

No dia 4 de fevereiro passado, dois motociclistas paraibanos iniciaram uma viagem de moto de João Pessoa, a cidade mais oriental da América do Sul, até Ushuaia, no extremo austral do continente. Eles levaram 40 dias para percorrer mais de 17 mil quilômetros de estradas do Brasil, Argentina, Chile e Uruguai com suas motos.

A ideia de fazermos uma viagem de moto até as Missões Jesuíticas da Argentina surgiu no fim de abril de 2015, durante uma conversa com o amigo Renato Cheloni. Inicialmente pensamos em fazer a viagem até Foz do Iguaçu no Paraná, mas lembrei que no ano anterior tínhamos passado na porta de San Ignacio e devido ao adiantado da hora em razão das reformas da RN 16, acabamos seguindo direto sem entrar na cidade.

Ver mais artigos

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.

Livros sobre viagens pela América do Sul e Himalaia