Viagem de moto Long Way Up Américas Harley-Davidson

O ator Ewan McGregor se reuniu mais uma vez com o apresentador Charley Boorman para explorar o mundo de moto. Depois de se aventurarem com motocicletas pela Ásia e África, chegou a vez de conhecer as Américas, mas dessa vez com duas LiveWire, a motocicleta elétrica da Harley-Davidson.

A viagem de moto foi realizada com o objetivo de produzir o documentário “Long Way Up”, anunciada pela Apple TV+. A nova série é uma sequência de “Long Way Round” e “Long Way Down”, nas quais McGregor e Boorman fizeram longas viagens em motocicletas BMW GS. Foi a primeira vez que os dois abandonaram a montadora alemã na produção da série.

A Harley-Davidson LiveWire é a primeira moto elétrica da companhia americana. Como não há muitas motos elétricas feitas especialmente para aventuras no mercado, as duas LiveWire foram equipadas especialmente para se tornarem modelos off-road. Foram feitas algumas modificações nas motocicletas – como suspensão mais elevada, adaptação de uma bolha na dianteira e rodas raiadas – para realizar o trajeto de longa distância.

A série estreia no dia 18 de setembro. Serão três episódios lançados simultaneamente, seguidos por um episódio novo a cada semana, cobrindo a jornada de 21 mil quilômetros da dupla. O trajeto começa na cidade de Ushuaia, Argentina, no extremo sul do continente, e percorre estradas da Argentina, Chile, Bolívia, Peru, Equador, Colômbia e México até chegar a Los Angeles nos Estados Unidos.

Viagem de Moto Americas Harley Davidson LiveWire Long Way Up

Acompanhando os apresentadores e integrando o comboio de produção, estão picapes elétricas da Rivian, uma das rivais da Tesla. A viagem lançará luz sobre as provações e adversidades que acompanham uma expedição com motocicletas elétricas. Embora tenham progredido para baterias com mais autonomia e tempo de recarga reduzido, as viagens de longa distância com motocicletas elétricas ainda são desafiadoras e exigem um planejamento muito detalhado. Mas isso não significa que viagens assim não podem ser feitas.

McGregor foi recentemente entrevistado no The Tonight Show, estrelado por Jimmy Fallon, onde respondeu perguntas e deu algumas informações dos bastidores da viagem.

A motocicleta elétrica Harley-Davidson LiveWire tem um alcance máximo com uma única carga de 235 km, em deslocamentos nas cidades. Com alcance limitado, McGregor e Boorman costumavam parar para carregar onde era possível, enquanto faziam lanches ou esticavam as pernas.

Viagem de Moto Americas Harley Davidson LiveWire Long Way Up

A Harley-Davidson LiveWire pode carregar rapidamente a partir de estações de carregamento rápido ou tomadas comuns. Para não ficar sem energia, a dupla frequentemente contava com a gentileza de estranhos em suas casas ou empresas, enquanto fazia paradas ocasionais para visitar áreas interessantes ao longo de sua rota.

Como McGregor detalhou:

"Não existe uma infraestrutura para carregar baterias de veículos elétricos no meio da Patagônia, por exemplo. Então, batíamos nas portas das pessoas e perguntávamos se poderíamos conectá-las. Elas geralmente nos deixavam. Às vezes, acampávamos em um jardim à noite e nos conectávamos."

Ewan McGregor

Como as duas motocicletas eram carregadas nos mesmos circuitos de baixa potência, a dupla às vezes se encontrava em situação um pouco embaraçosa quando desarmavam os disjuntores. McGregor explicou como às vezes eles tinham que justificar para seus anfitriões sobre a interrupção da energia e, em seguida, revezavam-se carregando as motos, uma por vez.

Embora se suponha que ficar sem carga seria o maior problema em uma viagem de longa distância com uma motocicleta elétrica, isso foi surpreendentemente raro. McGregor explicou que isso nunca aconteceu com seu parceiro de pilotagem, Charley Boorman, embora tenha acontecido com ele uma ou duas vezes. Nessas situações, McGregor explicou que conseguiram reboque improvisado de um carro.

Viagem de Moto Americas Harley Davidson LiveWire Long Way Up

É claro que esses problemas são menos prováveis de ocorrer em países mais desenvolvidos, onde as redes elétricas são mais robustas e as estações de carregamento são mais abundantes. No entanto, a aventura parece ter demonstrado que as motocicletas elétricas são capazes de viajar mesmo em condições precárias, embora sejam necessários planejamento e criatividade.

Além da impressionante jornada de 21 mil quilômetros, a série “Long Way Up” contará as histórias de outros donos de LiveWire que se aventuraram nas estradas. Um deles conquistou um certificado emitido pela Iron Butt Association (IBA) após percorrer 1.600 km em menos de 24 horas, enquanto outro comemorou seu aniversário percorrendo 2.250 km, da fronteira dos Estados Unidos com o México até a fronteira com o Canadá. Nenhuma dessas viagens se compara à distância feita por McGregor e Boorman, provavelmente a viagem mais longa das motos até o momento, mas servem para mostrar que, além de possíveis, aventuras de longa distância com motocicletas elétricas se tornarão cada vez mais comuns num futuro próximo.

Comentários (0)

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

  1. Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Caracteres
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.

Livros sobre viagens pela América do Sul e Himalaia