Nossa primeira grande viagem de moto foi de Campo Grande (MS) a Brasília (DF), com cerca de 2200 km em 6 dias. Eu (Fernando) e minha esposa Claudia a bordo de uma Yamaha Midnight Star 950.

Também apelidada de Expedição Vento Gelado por este que vos escreve, um velho motociclista sul mato grossense com alguns quilômetros de estradas pelo Brasil e América do Sul, iniciou-se no dia 29 de junho a primeira parte do desafio Chuí a Oiapoque.

Sou iniciante no ramo das viagens de moto e vou deixar aqui meu pequeno passeio pela BR-262, de Vila Velha, no Espírito Santo, para Alto Caparaó, em Minas Gerais. Para iniciar o relato, realizei esta viagem em uma Falcon NX 400, ano 2004. Moto muito conservada e com manutenção em dia.

O objetivo desta viagem de moto foi participar do 11º EBAN - Encontro Nacional do moto clube Bodes do Asfalto, que ocorreria na cidade de Bonito no Mato Grosso do Sul. Foram 5 dias entre estrada e atividades promovidas pela organização do Encontro.

Saí de Planaltina (DF) com a minha Ténéré 250 rumo a Itiquira na Bahia, um vilarejo distante 36 km depois de Santa Rita de Cássia (BA). O objetivo dessa viagem de moto era conhecer algumas das paisagens mais bonitas do nosso país, como a Chapada dos Veadeiros, rio Azuis e a cachoeira Acaba Vidas.

Duas V-Strom, dois amigos e dois dias na estrada. Nesta viagem de moto tínhamos o objetivo de conhecer a cidade histórica de Pilar de Goiás, saindo de Brasília. A ida foi por Niquelândia e a volta por Anápolis, totalizando 900 km.

Passeio tradicional do Clube XT no aniversário de Brasília, a ideia era dar uma volta pelas estradas do Distrito Federal. Neste ano rodamos 340 km no sábado e 200 km no domingo. Por sorte o tempo estava excelente: sem chuva e sem frio. Só muita poeira!

Com o objetivo de percorrer o Caminho Velho da Estrada Real, e obter o máximo de Carimbos (dos 20 possíveis) no passaporte, o casal Marco Aurélio e Ana Lúcia Lima fez uma viagem de moto de dois dias e meio partindo de Caraguatatuba (SP) até a cidade histórica mineira de Ouro Preto (MG).

Sai de Itabela debaixo de uma chuva fraca que foi, durante o percurso, aumentando de intensidade e volume. Passei por algumas áreas onde houve deslizamento de encostas, muita água em alguns trechos e o mais crítico estava por vir.

Mais uma vez tudo pronto para uma longa viagem com minha Honda Shadow 750, dessa vez pelo interior do Brasil. O plano era percorrer de moto as estradas de 6 estados brasileiros e o Distrito Federal para conhecer a Chapada dos Veadeiros e a Chapada Diamantina.

Pagina 1 de 6
Ver mais artigos

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.

Livros sobre viagens pela América do Sul e Himalaia