Este projeto tem por base a realização de um objetivo nacional e pessoal: ser o primeiro português a percorrer todo o Continente Sul Americano numa moto de baixa cilindrada (125cc). Serão 20.000 km, 10 países, o deserto mais árido do mundo, a maior cadeia de montanhas do mundo (em comprimento), o maior salar, o pulmão do mundo, a estrada da morte, Machu Pichu, dentre muitos outros locais míticos deste continente.

Pela manhã, passei a primeira fronteira e visitei a Cidade do Leste, no Paraguai, mas como era domingo, todas as lojas e shoppings, as principais atrações do Paraguai, estavam fechadas! Como é um destino que não tem nada de especial para ver, ainda no mesmo dia arranquei em direção ao Uruguai.

Finalmente consegui chegar ao Uruguai, apesar de ter parecido impossível! Arranquei às 6h da manhã com o objetivo de chegar o quanto antes ao Uruguai para fugir aos problemas da falta de combustível, mas não foi fácil! O que aconteceu?

No sábado terminei a parte Uruguaia da viagem de moto e visitei a última cidade daquele país, Colônia do Sacramento, cidade com grande influência colonial portuguesa e apanhei o ferry para a capital Argentina! Mais uma fronteira na lista!

Depois de 4 dias bem passados, este foi o dia de abandonar a capital argentina, Buenos Aires, e visitar o Zoo de Luján, que é um dos únicos no mundo que se pode ter interação com os animais, incluindo felinos!

Pagina 1 de 5
Ver mais artigos

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.

Livros sobre viagens pela América do Sul e Himalaia