Viagem de moto pela América do Sul

O ponto máximo do dia foi ler um livro enquanto boiava numa lagoa no meio do deserto! Tudo isto é possível porque esta lagoa é super salgada, tem uma concentração tão grande de sal que não permite afogar. Na parte mais funda atinge 19 metros de profundidade.

A parte negativa são os 14ºC de temperatura da água!

Também visitei outras lagoas em volta, tal como, a laguna Tebinquiche, Ojos del Salar, laguna Baltinache e laguna Céjar.

Quanto aos dias anteriores da viagem, fui parado pelos carabineros, que é a polícia do Chile, no meio do deserto. Eles queriam me fazer perguntas e o chefe fez questão de pedir para tirar uma foto com ele e com o carro dos carabineros, que tem um motor 5.7l V8 com 360cv. Assim até eu quero ser polícia no Chile!

Além disso, tentei subir uma montanha muito íngreme no deserto e o resultado foi que a demoníaca chegou ao meio da subida e com a carga que transportava, não teve força para continuar e decidiu descer de marcha a ré e de zorro pela duna abaixo… Mas ela segue a andar, com o seu guiador empenado, mas não para.

Comentários (0)

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Deixar seu comentário

  1. Postando comentários como visitante. Cadastrar ou login na sua conta.
0 Caracteres
Anexos (0 / 3)
Compartilhar sua localização

CADASTRE-SE PARA RECEBER AS VIAGENS PUBLICADAS

Você poderá sair da lista de e-mail a qualquer tempo.

Livros sobre viagens pela América do Sul e Himalaia